Notícias

Com a Copa, empresas antecipam produção e pedem mais crédito em abril


As empresas tomaram mais crédito em abril ante março. O Indicador de Demanda das Empresas por Crédito avançou 4,8% em abril na comparação com março, informou nesta terça-feira, 20, a Serasa Experian. Em relação a abril do ano passado, houve queda de 0,3%.

De acordo com os economistas da Serasa Experian, a alta na demanda das empresas por crédito na comparação mensal "reflete uma recuperação quase que integral do tombo de 5,3% observado em março de 2014", considerando o deslocamento para aquele mês do feriado do carnaval, que geralmente ocorre em fevereiro.

Já no acumulado do primeiro quadrimestre deste ano, a demanda por crédito subiu 2,6% ante o mesmo período de 2013 e é o resultado mais expressivo para o período desde 2011.

"O avanço é reflexo de uma certa antecipação da produção e consequente necessidade de capital de giro por parte das empresas, tendo em vista a proximidade (e as prováveis interrupções em determinados processos produtivos) da Copa do Mundo", disse a Serasa em nota.

A Copa tende a diminuir o movimento no comércio, segundo um levantamento preliminar feito pela Confederação Nacional do Comércio (CNC). A Confederação calcula que o varejo nacional deixará de faturar R$ 1,5 bilhão em junho e julho deste ano.

 

FONTE: Estadão